Introdução

O Programa Consumer permite que nossos clientes definam e controlem suas taxas de entrega de duas maneiras.

A primeira delas é realizando o cadastro das taxas manualmente e na hora de lançar um pedido no delivery escolher qual a taxa que será aplicada. Nesse modelo o cálculo da distância fica a cargo do usuário do sistema.

A segunda maneira, mais precisa, é deixando que o sistema calcule o custo de entrega de acordo com regiões previamente estabelecidas e “desenhadas” no programa. Você pode separar a taxa de entrega por regiões da cidade, por bairros, ruas ou da maneira que preferir. Nesse caso, ao lançar um pedido no módulo Delivery, o sistema pega o endereço do cliente, verifica em que região ele se encontra, e então calcula automaticamente o valor da taxa de entrega.

.

Desenhando as Áreas de Entregas

Para usar o recurso de cálculo automático por geolocalização, acesse: Configurações -> Configurações do Sistema -> Taxas de Entrega:

.

.

Então defina um nome para essa área de entrega e o valor da taxa. No meu exemplo, criei a área “Centro”.
Para desenhar a região manualmente, clique em Mapear Área, como abaixo:

.

.

Na próxima etapa, o sistema vai abrir o mapa de sua cidade. O que você deve fazer é circular qual é a área desse bairro. Veja como fiz com o “Centro”. Os clientes que estiverem dentro dessa área terão o seu frete calculado automaticamente. O valor do frete será o mesmo do cadastrado para essa região:

.

.

Você pode importar o KML para não precisar “desenhar” manualmente cada região de entrega. o KML é uma linguagem baseada em XML que serve para expressar anotações geográficas. Em sumo, se você possuir KML por região basta importá-lo pelo Consumer, que as regiões já estarão “desenhadas”, o que facilitará o processo.

.

.

Cálculo Automático da Taxa de Entrega

Depois de desenhar todas as áreas de entrega de seu Delivery, ao lançar um pedido no sistema, o Consumer vai identificar a área em que esse cliente está localizado e então inserir automaticamente a taxa de entrega desse pedido. Veja abaixo:

.

.

É importante ressaltar que para utilizar o mapeamento das áreas com o Google Maps é necessário criar uma “chave” para acesso no Consumer. Veja aqui como criá-la.

Este artigo foi útil para você?