Introdução

Essa dúvida surge para alguns clientes no momento de acompanhar e conferir as movimentações financeiras em seu estabelecimento. Em determinadas situações, os valores observados em diferentes módulos não serão os mesmos.

Caso não encontre, em um primeiro momento, os mesmos valores, isso não significa que o Consumer está com algum bug ou erro de cálculo. Vamos entender como funcionam os principais módulos com indicadores financeiros, o que pode gerar as diferenças em valores e como fazer a leitura correta dos dados no Consumer.

 

 

Compreendendo os valores do Connect

 

Dashboard > Valor Total Recebido: esse valor é o faturamento de todos os pedidos (abertos e finalizados), e considera taxas e descontos (se houver). Esse resultado também inclui os fiados – mesmo que ainda não tenham sido pagos.

Você pode compará-lo com o “Histórico de Itens Vendidos”, na coluna “Valor Final”, aplicando o filtro “Todos”:

 

 

 

Ao acessar o menu “Financeiro” > “Meu Negócio” no Consumer Desktop e conferir que o faturamento está com valores diferentes, isso se deve ao fato de que nesse relatório o sistema considera a data de fechamento do pedido, diferente do que é apresentado no Connect, que considera a data de abertura do pedido.

 

Dashboard > Valor Médio: esse é o seu ticket médio, resultado da divisão do “Valor Total Recebido” pela “Quantidade Total” (de pedidos). No Consumer Desktop você pode consultar essa mesma informação “Financeiro” > Meu Negócio”:

 

 

 

 

Dashboard > Receitas Geradas: essas são os valores registrados em “Contas a Receber” na coluna “Valor Líq.”, com o filtro “Data do Recebimento”. Nesse valor, além dos recebimentos das vendas e fiados (pagos e ainda não pagos), estão incluídos também lançamentos avulsos registrados manualmente em “Contas a Receber”.

 

 

 

Dashboard > Receitas Creditadas: valores registrados em “Contas a Receber” na coluna “Valor Líq.”, com o filtro “Data do Crédito”. Nesse valor, além dos recebimentos das vendas e fiados (pagos e ainda não pagos), estão incluídos também lançamentos avulsos registrados manualmente em “Contas a Receber”.

 

 

 

Importante: o resultado das receitas nem sempre será igual ao do “valor total recebido” pois enquanto o último considera apenas os valores recebidos das vendas (considerando a data de abertura do pedido), o primeiro considera, além dos valores provenientes de pedidos, entradas de dinheiro lançadas manualmente em Financeiro > Contas a Receber e pagamento de fiados de datas passadas. E também leva em conta a data de recebimento, não a de abertura do pedido.

 

Dashboard > Despesas Previstas: despesas pagas e não pagas no período filtrado. Essa informação pode ser consultada no Consumer Desktop ao acessar o menu Financeiro > Contas a Pagar, e filtrar por “Todos”.

 

 

 

Dashboard > Despesas Realizadas: somente despesas que foram pagas no período filtrado. Essa informação pode ser consultada no Consumer Desktop ao acessar o menu Financeiro > Contas a Pagar, e filtrar por “Contas Pagas”.

 

 

 

Dashboard > Lucro Previsto: resultado da subtração das receitas geradas das despesas previstas, ou seja, é o resultado do seu faturamento baseado na data de recebimento, subtraindo as despesas que já foram pagas e as que estão agendadas para serem pagas no período.

 

 

Dashboard > Lucro Realizado: resultado da subtração das receitas creditadas das despesas realizadas, ou seja, é o resultado do seu faturamento baseado na data de crédito, subtraindo somente as despesas que já foram pagas no período, sem considerar as que ainda devem ser pagas.

 

 

Esse mesmo valor é o apresentado em Financeiro > Meu Negócio > Receitas e Despesas:

 

 

Financeiro > Visão Geral > Receita Bruta: resultado de todas as receitas geradas sem descontar as taxas do cartão:

 

 

Essa mesma informação pode ser consultada no Consumer Desktop ao acessar o menu Financeiro > Contas a Receber, filtro “Data de Recebimento”, coluna “Valor Previsto”:

 

Este artigo foi útil para você?